top of page
  • Margem

DECLARAÇÃO DE JORGE, de Ivone Segade

Abortar as aflições humanas ligadas ao vício durante a existência.

Negar todos os prazeres fugazes e sentar no alpendre de meu corpo a contemplar no infinito o sol que se deita sob a terra.

Imagem realmente fantasiosa.

Recusar a entrada no interior dessa casa que tantas vezes me trouxe a realidade em uma bandeja de prata.

Sinto assim: desperdício de tempo e energia viver tão superficialmente.

Entregar a alma às fantasias subjacentes à covardia.

Deitar-me sobre o catre imundo do vício e achar que meu corpo repousa em um colchão de penas.

Assim se faz a existência fortuita de um viciado.

Fechar os olhos com o sol sob a terra que me expulsou de suas entranhas há muitos anos.

Encontrar a virtude em Gaia.

Retomar a essência divina da existência como a última chance de manter a integridade da alma.

Sendo assim, em mim deposito a esperança de dias mais autênticos, sem coberturas, onde a covardia não mais fará morada.

Deixar que o brilho dos olhos celestes guiem a minha trajetória e a tortuosidade dos caminhos não espante meu cavalo.

Que as pedras aderidas aos meus pés sejam removidas na caminhada, pois só a coragem de pisar na dor fará com que a cola que as adere em meu corpo seja dissolvida.


 

Ivone Segade, 52 anos, natural do Rio de Janeiro. Médica psiquiatra, desenha e pinta desde criança. Aprendeu a ler e escrever antes mesmo de chegar à escola. Autodidata, chegou a iniciar um curso livre de pintura para aprimorar suas habilidades artísticas natas. Suas obras são marcadas por forte expressividade. Assim como usa as cores para pintar o que sente, usa a caneta para colocar no papel ideias que se transformam em palavras. Artista de múltiplas linguagens, múltiplos olhares. Em 2019 realizou três exposições em espaços culturais na capital carioca, onde além dos quadros, foi apresentado sarau com poesias de sua autoria, interpretadas por jovens atores. Em 2020, durante a quarentena, participou de diversos eventos virtuais, como concursos, exposições e mostras em parceria com Luciana Telles, curadora, atriz e pedagoga

22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page